Cras encerra cursos e divulga balanço dos atendimentos de 2017 em Ji-Paraná, RO

O Centro de Referência de Assistência Social (Cras) do Bairro São Francisco encerrou nesta terça-feira (28) as atividades de dois cursos de artesanato e divulgou o balanço de atendimentos realizados em 2017. De acordo com a coordenação do centro, a unidade atendeu mais de 1,5 mil pessoas de 15 bairros do 2º Distrito de Ji-Paraná (RO), na Região Central.

Segundo a coordenadora do Cras São Francisco, Marilene Mota, as mulheres atendidas pelo centro receberam aulas dos cursos de crochê em barbante e de pintura em tecido.

“É um trabalho belíssimo, isso desenvolve a autoestima das mulheres e pode contribuir com a renda sem ter que sair de casa, já que ela pode desenvolver esses trabalhos dentro do lar”, afirma a coordenadora.

Durante 2017, mais de 1,5 mil pessoas receberam atendimento no Cras São Francisco, de acordo com estimativa da coordenação. Diversas atividades de fortalecimento de vínculos são ofertadas pelo centro.

“Nós temos oficinas de fortalecimento de vínculos com as crianças, com aulas da karate e ballet. Também temos aulas de zumba para as mulheres e o ‘Amor Exigente’, que é um grupo de autoajuda”, destaca a coordenadora.

Além do Cras São Francisco, outros dois centros realizam os atendimentos no município, o Cras Jardim dos Migrantes, no 1º Distrito, e o Cras Roda Moinho, no 2º Distrito.

Fonte: G1